Português (pt-PT)English (United Kingdom)

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Autarquias já têm 250 milhões dos fundos europeus PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Porto Canal, 11 de Agosto 2016

As Câmaras Municipais já assinaram contratos no valor de 250 milhões de euros. Em concurso estão 1400 milhões de euros para as autarquias.

Ainda falta atribuir a larga maioria do dinheiro posto a concurso pelo Portugal 2020, mas dos 1400 milhões propostos para os municípios, já foram assinados contratos no valor de 250 milhões. Para já, foram assinados 289 contratos, que prevêem um investimento de 360 milhões de euros, que será financiado com 250 milhões de fundos europeus.

Em junho foram entregues e aprovadas 91 candidaturas que equivalem a um financiamento de 57 milhões. Em causa estão obras de recuperação de escolas, património histórico ou natural ou equipamentos de saúde, regeneração urbana ou apoios sociais. Estão também previstos trabalhos nas redes de abastecimento de água ou gestão de resíduos.

O Governo espera que o ritmo de entrega de candidaturas acelere já a partir do mês de setembro. O Ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, espera que a entrega de propostas acelere. “Já estamos a ter um boa procura por parte das câmaras e, em setembro e outubro, esperamos receber um mais número de candidaturas, para beneficiarem do acelerador do investimento”, cita o Jornal de Notícias. O acelerador implica a atribuição de mais fundos europeus para quem quiser antecipar os investimentos, aplicando-se tanto às autarquias quanto às empresas.

O Ministro responsável pela pasta do Planeamento e Infraestruturas não adiantou quanto dinheiro quer ter contratualizado com autarquias no final do ano, mas disse que espera “um número muito significativo”, uma vez que quer captar projetos para reabilitação. No que diz respeito às empresas, o Ministro mantém a intenção de lhes pagar 450 milhões de fundo europeus até dezembro.

http://portocanal.sapo.pt/noticia/99019